O lado bom de tudo – E dos 20 e poucos anos

Começar a usar produtos para evitar as rugas é o que recomendam quando nós, mulheres, fazemos 25 anos. Eu li isso na revista da Avon, no ano passado, e marcou tanto que era só o que eu pensava quando lembrava que os 25 anos de vida estavam chegando.

E agora? Esse é o marco do ínicio de uma fase onde as tetas e a bunda começam a cair, a pele começa a ficar uma ameixa seca e a energia não é a mesma? É óbvio que sim!

Muitas mulheres encaram o envelhecimento como um filme de terror em que o monstro é o próprio espelho. Sinto muito, mas em certos momentos também penso isso e sinto medo de envelhecer. No entanto, lutar em todo o aniversário contra o fato de estar envelhecendo é impossível, se de fato estou. Tento pensar que fazer aniversário é a comemoração de um ano a mais vivido e não um ano a menos de vida, afinal, saber ver o lado bom das coisas rejuvenesce o espírito!

Nesse meu aniver de 25 anos, me comprometo em fazer um esforço para ver o lado bons das coisas e a seguir buscando tudo que sonho com o mesmo entusiasmo que tinha aos 15 anos.

Aos 15, minha melhor amiga e eu gargalhávamos imaginando o que seria da gente aos 25 anos e dizíamos: – Nunca seremos adultas!

Pauline e sua amiga Lis (quando éramos meninas más)
Dudinha e Pauline (quando acreditava que mudaria o mundo)

Na verdade, eu só me considero um pouco inocente demais para compreender a podridão dos seres humanos, o maltrato com os animais, a destruição da natureza e a demasiada tolerância na hora de fazer-se cumprir a lei.

Todos temos direitos e deveres. No meu mundo, os direitos humanos só tem validade para quem cumpre seu dever!

Privacidade? Quero mais é que acabe logo com essa tal de privacidade. Meu bem, se você tem algo a esconder, simplesmente pense antes de fazer, porque observando a forma como vivemos hoje, vai ficar cada vez mais difícil colocar para baixo do tapete a sujeira! E disso até o google sabe: “If you have something that you don’t want anyone to know, maybe YOU SHOULDN’T BE DOING IT in the first place” by Google.

Num mundo onde traição é motivo de risada, mentira é sinônimo inteligência, preconceito é pretexto para ignorância,  eu prefiro viver no meu mundo, fazendo o que está ao meu alcance e deixando que o resto desabe! Prefiro viver em um mundo onde  há poucas pessoas, muitos computadores, respeito pelos animais e pouca tolerância com as atitudes desse bando de seres nada racionais que chamamos de humanos. Esse é o meu mundo.

Dudinha e Pauline (aqui ela já sabia que não mudaria o mundo)

Amigas! Ter 15 anos foi muito bom, pois eu acreditava que poderia mudar o mundo, mas ter 25 anos é ainda melhor, porque agora eu vejo que não posso mudar o mundo, mas tenho o poder de melhorar o que está ao meu redor ;D

Portanto, meu bem, se você tem 15, 25 ou 60 anos, não importa. O que importa é saber ver o lado bom de tudo, inclusive o lado bom de ter a idade que você tem!

Beijão meninas!

7 thoughts on “O lado bom de tudo – E dos 20 e poucos anos

  1. AAAAAAH, chorei por dentro lendo isso. *-*

    Muito lindo o que você escreveu! Eu também, aos 15 anos, queria mudar o mundo. Mas hoje em dia adotei a filosofia da "corrente do bem", de que o melhor é fazendo o bem um a um, para que isso vire verdadeiramente uma corrente.

    Parabéns, flor!

    Você é uma pessoa super especial em muitos sentidos, e pra mim então, nem se fala!

    Que Deus sempre ilumine teus caminhos, e eu oro para que teus sonhos se realizem e que tenhas muito sucesso na vida!

    Um beijão no coração. ♥

    1. Obrigada amada! Muito bom saber que tem alguém que me lê, que gosta do que eu faço, que curte o blog… muita gente passa por aqui, mas nem todas lêem e participam. O melhor retorno que se tem com um blog como esse são as amizades, e te considero minha amiga! Obrigada pelo apoio sempre e saiba que pode contar comigo também, viu? Beijão!

  2. Adorei este texto… fiz 27 agora em junho…

    tô meio sem jeito, mas queria te pedir um favor.. é que eu me increvi num concurso e preciso de votos, se você puder passar no meu blog é clicar no icone " este blog pode virar livro" e vota e agradeço demais… tô precisando de votos, porque só soube hoje, mas os outros concorrentes já estão recebendo votos desde o dia 12.. aí para eu ter uma chance vou precisar de votação… ah e para quem divulgar vou fazer um sorteio com presentinnhos surpresa!!! quero muito poder concorrer pelo menos!!

    beijão com carinho

    http://www.sermulhereomaximo.com.br

  3. Adorei essa postagem! Simplesmente perfeita, simplesmente sincera e exatamente da forma que penso e vejo o mundo. Que nos seus 25 anos, assim como nos 30, 60 e assim por diante possas estar com a mesma vitalidade e consciência firme dos teus propósitos, de mergulhar nesse teu mundo que é tão bonito e tão mais agradável do que o mundo que querem que aceitemos e nos corrompa. Que a sabedoria não te escape e possas seguir compartilhando!

    1. Obrigada pelos parabéns e por participar Camila! Adoro saber que as meninas que me lêem se identificam. Nessas horas vejo que o mundo não tá totalmente perdido haha ;) Beijão querida ;*

  4. Sabe, eu vou fazer 27 quarta, e é exatamente assim que me sinto… Eu sempre achei que ia ser sempre aquela adolescente que sonhava com mil e uma coisas, que queria fazer seus 15 anos e que sonhava com seus amores, com momentos que pareciam tão distante e acabaram se realizando!

    Hoje eu vejo que fazer 27 anos ou 30, 40, 50 ou 93 como tem a minha vó… não é um fardo pesado que você carrega como muitos pensam, mas sim, a experiência de momentos que se acumulam, e cabe a nós escolhermos que tipo de momentos queremos lembrar e guardar… pode parecer hipocrisia mas eu prefiro acreditar que tudo na vida tem um porque, e que de tudo vc pode tirar uma lição e que todas as pessoas tem um lado bom e é nisso que me leva a frente, prefiro acreditar no lado bom de tudo e de todos, muitas vezes vou sofrer por isso, vou me desapontar… mas prefiro ser assim… Eu me cuido como posso, mas prefiro olhar no espelho e ver uma celulite e saber que eu sou de verdade, eu comi coisas que gosto quando eu queria, prefiro olhar no espelho e ver uma ruga no olho seja ela de tanto que chorei, que me emocionei… pq assim eu vou ter certeza que vivi de verdade, que fui quem eu queria ser, e não o que os outros gostariam que eu fosse…

    bjsssss

    1. Demais teu comentário Veridiana! Somou muito ao que eu disse no post! Muito obrigada pela colaboração querida! É muito bom saber que quando eu exponho a minha opinião tem mais gente que se identifica! Fiquei super feliz :D "pq assim eu vou ter certeza que vivi de verdade, que fui quem eu queria ser, e não o que os outros gostariam que eu fosse…" MUITO BOM! Beijão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.